Juarez Paraíso

Juarez Marialva Tito Martins Paraíso. Rio de Contas, BA, 1932

Para ele encontro dois adjetivos opostos embora não contraditórios: solidários e solitário. Solidário com seu tempo, sua terra, eu povo, seus artistas. Quase sempre abre caminhos, é o primeiro a traçar a rota para muitos. O segundo adjetivos guardo-o para a abra desse criador vário e inquieto, múltiplo, que não se parece com qualquer outro, solitário em sua criação. Quem viu suas exposições se desenho e gravura conheceu em mestre, mestre verdadeiro, nessas duas tão difíceis manifestações de artes visuais. No panorama de arte baiana contemporânea sua extensa abra cresce a cada dia em importância e significação. A unidade mais profunda do novo e do vital marca sua criação e lhe impõe em grandeza incomum. O homem solidário e o artista solitário são um só, um decorre do outro e o completa.

                                                                                                                    

 

Jorge Amado

© 2020 Prova do Artista Galeria de Arte

Travessa Bartholomeu de Gusmão n 13,  loja 01, Rio Vermelho, Salvador - Bahia - Brasil

  • Facebook Clean

(71) 3245 1660 / (71) 3331 6247