Maazo

 

Waldemar Heck. São Paulo, SP, 1951

Toda percepção está ligada a expectativas e comparações. Ao penetrar o mundo da imagem, o fruidor se deixa, ao mesmo tempo, penetrar por ele. A sedução opera à maneira de uma articulação, de uma afinidade dual. É um desafio às lógicas da razão. O que me instiga, o que me atrai, o que me seduz na obra de Maazo Heck é justamente isso, o encantamento, o secreto, a descoberta da regra do jogo. É a sedução pela imagem. No trabalho de Maazo, a técnica de sobreposição e remoção de camadas de tinta revela uma dupla imagem e a zona do fundo, trabalhada com uma cor forte e vibrante, ganha a força de outra imagem. Essa brincadeira com o conceito de figura/fundo tem então seu momento de encantamento, de sedução, do eu e do outro, do fruidor e da imagem.

                                                                                                                   

 

Elvira Vernaschi

© 2020 Prova do Artista Galeria de Arte

Travessa Bartholomeu de Gusmão n 13,  loja 01, Rio Vermelho, Salvador - Bahia - Brasil

  • Facebook Clean

(71) 3245 1660 / (71) 3331 6247